PLR da Vale em Itabira deverá ficar em 5,5 salários

0
24 views

A empresa Vale S/A anunciou na sexta-feira (17) os cálculos que possibilitam os trabalhadores saberem os valores na participação nos lucros e resultados. Em média, a PLR se dará em torno de 5,5 salários. Cada salário equivale aos 30 dias de trabalho, com pagamento confirmado em 1º de março, próxima quarta-feira.

Ações de André Viana, presidente do Metabase Itabira, provocaram o aumento da PLR

A PLR, uma remuneração variável, é fruto de acordo entre a empresa e o Sindicato: “O Acordo Coletivo garante normas e critérios para que os trabalhadores possam acessar e consequentemente atingirem as notas para uma boa participação. Por isso a importância do nosso Acordo em 2022, onde exigimos condições mínimas para atingir os gatilhos e notas globais dos fatores que compõem o cálculo da PLR.

Exemplo foi o Fator Vale, que obteve nota máxima em 2022, ou seja, 1,333 e obviamente colaborou para atingirmos os valores desta PLR”, destacou André Viana, presidente do Metabase Itabira.

Ainda de acordo com ele, diversas ações foram realizadas “por meio do diálogo combativo e respeitoso” com o Conselho Administrativo da empresa.

O sindicalista destaca a reunião realizada em 19 de janeiro, no Conselho da empresa: “O EBITDA representa o desempenho e eficiência operacional da Vale. É o lucro antes de impostos, depreciação, amortização e investimentos. Ele estava “zerado”. Neste encontro, apresentei aos integrantes da mesa administrativa a necessidade de ajuste deste item e fui prontamente atendido”.

Sobre o painel de metas, o presidente esclareceu que ainda em janeiro a diretoria do Metabase se reuniu com a empresa para discussão sobre os itens dos painéis de metas das áreas de trabalho que estavam trazendo prejuízos aos trabalhadores. Esta reunião também trouxe pontos positivos à PLR

Outras ações
A garantia do pagamento integral dos trabalhadores afastados por acidente de trabalho ou doença ocupacional e para as gestantes foi citado por André como destaque nas negociações e mais: “Os trabalhadores que foram desligados da empresa irão receber proporcionalmente ao período trabalhado, ou seja, a sua participação na produção será recompensada”.

O presidente acredita que foram conquistas de médias “interessantes” de PLR.

“Desejamos que os trabalhadores tenham prosperidade neste benefício merecido. Muito ainda precisa ser feito e desde já precisamos entrar na luta pela PLR que será paga em 2024. Vamos intensificar, mês a mês, a cultura de PLR, para que possamos alcançar o teto máximo. Estamos com forças renovadas para buscarmos participações nos lucros ainda maiores”.

Saiba mais

A PLR foi regulamentada pela lei 10.101/2000, mas já havia sido citada na Consolidação das Leis Trabalhistas, de 1946 e na Constituição Federal de 1988. A lei diz que a empresa poderá implantar o programa de PLR, com objetivo de recompensar o funcionário pelos resultados obtidos pela empresa.

Lucro da Vale
A empresa Vale S/A anunciou nesta quarta-feira o seu lucro de 2022: R$95,9 bilhões. Este valor equivale ao terceiro maior lucro registrado por uma empresa brasileira. Salientamos que em 2021 ela obteve o maior lucro para uma companhia aberta brasileira, R$121 bilhões. A empresa também anunciou a distribuição de mais de R$9,4 bilhões em dividendos, que irão se somar aos R$16,2 bilhões anunciados durante o ano de 2022 como remuneração pelos lucros dos três primeiros trimestres.